Restaurante “O Manjar do Marquês – Pombal”

by | Dez 5, 2017 | Vinho | 0 comments

Se souberem de outro igual, por favor, digam-me!!! Estou a falar a sério! Não estou minimamente a brincar. Porque este restaurante, em Pombal, é o único que eu conheço em que isto acontece! Refiro-me ao facto de os preços dos vinhos serem exactamente iguais aos preços de garrafeira. E isto, repito, algo de único no país, aliado à excelente e tradicional comida, traduz-se num sítio ideal para reuniões de trabalho do Wine4People. Os vinhos abaixo, acompanharam dobrada, vitela, bifes e bochechas de porco preto.

Termeão Pássaro Vermelho 2006

  • País: Portugal
  • Região: Bairrada
  • Produtor: Campolargo
  • Tipo: Tinto
  • Teor Alcoólico: 12,5% vol.
  • Preço: 25 euros

85% de Touriga Nacional, e restante de Castelão Nacional e Cabernet Sauvignon. 1 ano de estágio em barricas usadas. O aroma não denota evolução, e de facto na boca é uma bela surpresa. O vinho está novo, deslumbrante, vivo e muito elegante. Não é encorpado, mas surpreende em elegância. E o final também é muito agradável. É um vinho aristocrático! Como poucos em Portugal.

  • 17,5 Valores

Procura 2012

  • País: Portugal
  • Região: Alentejo
  • Produtor: Susana Esteban
  • Tipo: Tinto.
  • Teor Alcoólico: 14,5% vol.
  • Preço: 30 euros

Pequena produção de vinhas velhas da zona de Portalegre.  2ª edição deste vinho da enóloga galega. Um Alicante Bouschet que também surpreende: logo no aroma, com fruta vermelha muito intensa. Em prova cega diria que era um vinho do Douro!!! Na boca é muito intenso, com fruta muito saborosa, muito encorpado, quase que se mastiga… e o final (com muita acidez) denota que ainda está muito jovem, que vai durar mais de dez anos em forma, e cujo auge ainda demora.

  • 17,5 Valores

Quinta de S. José 2013

  • País: Portugal
  • Região: Douro
  • Produtor: João Brito e Cunha, Lda
  • Tipo: Tinto
  • Teor Alcoólico: 14% vol.
  • Preço: 22 euros

Este é um Douro típico. Feito de Touriga Nacional e Touriga Franca, estagiou 12 meses em barricas de carvalho francês. O aroma não engana, e é um dos pontos fortes do vinho. Na boca é agradável, saboroso, mas o seu equilibrio global ainda denota a sua juventude. E o final também ainda não está bem polido. Não deixa de ser um bom vinho, especialmente para quem gosta dos Douros típicos.

  • 17 Valores

Wine4People (MAIO 2017)

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *